O Que E Seo 3

O que é Conteúdo Duplicado em um Blog

Saiba tudo sobre conteúdo duplicado em um blog

O marketing digital está repleto de técnicas que aumentam a probabilidade de alcançar o sucesso, inclusive o SEO, que sem dúvidas é considerada como uma das mais importantes.

Por isso, é comum que as pessoas escolham com cuidado as palavras-chave e selecionem o melhor conteúdo para alcançar seu público-alvo. Mas nem sempre se dão conta sobre um problema muito grave, que pode impossibilitar resultados positivos. Trata-se do conteúdo duplicado. A seguir, saiba tudo sobre o conteúdo duplicado e evite este problema em seu blog.

Por que não se deve ter conteúdo duplicado?

Ter um conteúdo duplicado em seu blog pode prejudicar, e muito, sua indexação nos buscadores. Isso acontece porque a ferramenta do Google, Yahoo, Bing e outros, que analisa os sites e seleciona para as suas páginas de busca, faz um trabalho bastante completo. O robô está constantemente à procura de conteúdos semelhantes em toda a internet e avalia a sua importância através deste quesito. Entre outros, é claro.

Ou seja, você pode até achar que está trazendo para seu blog um conteúdo interessante e que vá chamar a atenção do seu público, mas ele não será encontrado facilmente. Afinal, os buscadores vão dividir a importância do conteúdo por todas as páginas onde ele aparece e mostrar todas as fontes no mesmo lugar, diminuindo a probabilidade de seu blog ser clicado.

Portanto, o melhor é evitar ao máximo qualquer tipo de conteúdo repetido para conquistar resultados cada vez mais efetivos.

O que é considerado conteúdo duplicado?

O conteúdo duplicado, como o nome indica, se refere a uma postagem que já foi publicada antes em outro lugar. Ele pode acontecer de duas principais formas:

* Conteúdo copiado de outros sites;
* Cópias geradas no seu próprio site;

O conteúdo copiado de outros sites acontece quando alguém faz o famoso copia e cola na postagem de outro blog ou página. Quando você faz isso, estará diminuindo totalmente suas chances de ser encontrado, por isso, simplesmente evite este hábito.

Mas e se alguém estiver copiando algo da sua página? Neste caso, não se preocupe. Os robôs são capazes de distinguir qual foi à página que publicou primeiro e neste caso irá indexar melhor o conteúdo original.

Já as cópias geradas pelo próprio site, são quando a plataforma repete o conteúdo publicado na postagem na home, em links ou até nas nuvens de palavras. Estas repetições são mais complicadas e exigem um trabalho diário. A seguir, veja como evitar o conteúdo duplicado em seu próprio site.

Como evitar o conteúdo duplicados

Um dos pontos cruciais para o conteúdo repetido é o título, o conteúdo por si próprio e a meta descrição. Para identificar se há algo repetido online, é preciso ter paciência e fazer tudo manualmente.

Evite títulos que já tenham sido postados em seu blog e sempre os reescreva de forma a não repetir exatamente o que está publicado no restante do texto.

Já com relação ao conteúdo, não há muitos segredos. Você sempre saberá se está copiando ou não o conteúdo de outra página, afinal estará produzindo seus próprios, não é mesmo? Mas se tiver alguma dúvida se algo está parecido ou não, basta copiar uma parte dele e jogar no buscador do Google mesmo. Sempre entre aspas. A página vai te mostrar se há algo igual ou extremamente parecido com o que deseja publicar em seu blog.

Se encontrar algo que seja muito semelhante, basta alterar o conteúdo, trocando as palavras e a ordem com as quais aparecem. Existem ainda outras ferramentas que verifica a autenticidade dos textos, mas as versões gratuitas nem sempre funcionam.

Isso acontece porque elas simplesmente calculam a distância das palavras e dizem qual a porcentagem de texto repetido foi encontrado em toda a seleção feita. Ou seja, isso nem sempre representa uma cópia, já que assuntos muito semelhantes podem apresentar as mesmas palavras sem que eles sejam copiados.

As versões pagas destas ferramentas costumam ser muito mais eficientes, mas os valores nem sempre cabem no bolso.

Já a meta descrição, é preciso um cuidado especial. A ferramenta do Google para webmasters pode ajudar, indicando inclusive, se está longa ou curta demais. No wordpress, também é possível editar muito facilmente o título e a descrição de cada uma de suas postagens no blog.

Além disso, paginações em seu próprio site, que indicam qual é o conteúdo dele, também podem ser consideradas repetidas. Por isso, opte sempre por clicar em nonindex para evitar este problema.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *