Na hora de criar seu site, uma das escolhas de maior importância diz respeito ao domínio.

O bom domínio faz com que o site seja encontrado com maior facilidade (o que reflete em melhores estratégias de divulgação) e ainda traz muito mais credibilidade para ele. Considerando a importância do domínio para o seu site, confira a seguir algumas dicas e regras básicas na hora de escolhê-lo.

1. O que é um domínio?

Antes de tudo, é melhor que você conheça o que é um domínio.

Se você quer criar um site ou blog, este precisará de um domínio para que possa receber visitas de seus usuários.

O domínio consiste no nome que identifica o endereço web do site/blog na internet. Sem ele, o nome do seu site provavelmente não seria o mesmo que você tanto pensou para o mesmo – mas na realidade, seria uma sequência gigantesca de números.

Como você já deve ter notado, o domínio é o que faz com que o seu site seja possivelmente encontrado pelos buscadores – com destaque para o Google.

2. A importância das palavras-chave

Um bom domínio é aquele formado por palavras-chave capazes de descrever o nome e atuação da sua empresa. O mesmo serve também para blogs, que devem deixar claro um pouco mais sobre a marca e serviço.

Sendo assim, se o seu site for sobre alimentação saudável, por exemplo, algumas dicas de palavras-chave são: alimentação saudável/alimentação fit/ cozinha fit/ comendo bem/ hábitos saudáveis/ comidas saudáveis e muitas outras.

3. Domínios exclusivos

Tenha um domínio que seja único, ou seja, nada parecido com qualquer outra coisa/marca que você já tenha visto.

Alguns indivíduos, com o objetivo de ganhar mais seguidores para suas páginas, criam um domínio com a versão em plural de blogs/marcas já conhecidas, adicionam erros ortográficos, sinais ou hífens ao mesmo – o que são grandes erros.

Se você realmente quer que o seu site seja bem visto, deverá criar um domínio exclusivo e diferenciado para o mesmo.

4. Nomes de fácil digitação

O domínio também deve ser fácil de digitar para que o tráfego em seu site seja realmente bom. Utilizar palavras que podem ser escritas de diferenciadas maneiras ou gírias no domínio poderão impossibilitar (ou dificultar bastante) o encontro de seu site pelo usuário.

Sendo assim, facilite para os usuários e deixe os domínios ‘complicados’ de lado.

5. Nomes curtos

Os nomes mais curtos são facilmente memorizados pelo usuário – além de serem também fáceis para escrever.

Outro benefício dos nomes curtos é a facilidade para encaixá-los em estratégias de comunicação visual (como na criação do logotipo, por exemplo), em mídia impressa e em redes sociais como um todo.

6. Nada de números ou hífens

Utilizar hífens ou números em seu domínio é uma forma de dificultar – e muito – o acesso ao seu site. Isso porque as pessoas simplesmente se esquecem do hífen, colocam-no em lugar errado ou não sabem se o número deve ser escrito em formato de numeral ou por extenso.

Se os hífens ou números realmente são importantes para o seu domínio, o mais recomendado é que ele seja registrado em diferentes variações.

7. Use uma extensão com domínio apropriado

 O “.com.br”, com certeza, é o mais recomendado para o registro de domínios em território brasileiro. O simples ‘.com” também pode ser uma opção, principalmente se o seu site contemplar não só os usuários brasileiros como outros países da América do Sul ou ao arredor do mundo.

Outras extensões que também podem ser utilizadas com base no modelo do seu site/negócio são as seguintes:

• Org: para organizações sem fins lucrativos (ou seja, não comerciais);

• Co: companhias, comunidades ou comércios;

• Net: sites voltados à infraestrutura da própria internet, sendo eles mais técnicos do que informativos;

• Me: para páginas pessoais, como currículos ou portfólios, por exemplo;

• Info: para sites ou blogs exclusivamente informativos.

8. Sobre o registro do domínio

Na hora de registrar o domínio, o mais recomendado é que você opte por registradores populares – principalmente pela reputação e responsabilidade dos mesmos. Entre eles podemos destacar:

-> GoDaddy: a GoDaddy é uma das gigantes na área de registro de domínios. Com ela, você poderá criar e administrar o seu domínio com total garantia de qualidade e segurança.

-> Hostgator: a Hostgator está entre as mais antigas empresas que atuam na área de hospedagem de domínios em todo o mundo.

9. Priorize a sua localização geográfica

Afinal, os blogueiros costumam mostrar coisas e lugares da cidade e região onde vivem. Sendo assim, se puder, adicione a sua cidade no domínio – ou pelo menos, na descrição de seu blog.

10. Evite escolher um nome ‘momentâneo’

Se você optar por um nome famoso no momento – como uma referência a algum assunto, música, banda, série ou filme – ele pode dar muito certo agora, mas não tardará para que caia no esquecimento dos usuários.

Isso porque o tempo passa e novas coisas vão ganhando a atenção do seu público. Se você escolher um nome ‘famosinho do momento’ para o registro do domínio, ele poderá ser esquecido em questão de alguns meses ou anos.

11. Relação com o que será postado

O nome do domínio deverá ter relação direta com aquilo que você irá se dedicar para postar. Afinal, de nada adianta você ter um nome que fale sobre alimentação saudável se, na realidade, falar sobre isso nem é o seu objetivo principal – não é mesmo?

O nome do site(ou seja, o domínio) é o principal responsável por trazer novos usuários para o mesmo. Sendo assim, ele deve transmitir exatamente o que o indivíduo encontrará quando se deparar com os conteúdo.

E agora que você já conhece as principais dicas e regras para escolher o nome de domínio perfeito para seu site, o que ainda está esperando para começar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *